Políticas para a deficiência: comparação entre diferentes modelos de prestação de cuidados

Projeto de doutoramento “Políticas para a deficiência: comparação entre diferentes modelos de prestação de cuidados”

Referência: SFRH/BD/138530/2018

Área científica: Sociologia

Instituição proponente: Faculdade de Letras da Universidade do Porto (FLUP)

Instituição de acolhimento: Instituto de Sociologia da Universidade do Porto (IS-UP)

Orientação: Alexandra Lopes (FLUP)

Cronograma: setembro 2018-outubro 2021

Resumo: Este projeto de investigação tem como objetivo principal analisar e mapear as políticas para a deficiência sustentadas no paradigma e filosofia de vida independente na Europa, com um ênfase particular no caso português. Tem como grande eixo norteador as políticas relacionadas com a desinstitucionalização das pessoas com deficiência. Assume como foco a questão dos cuidados formais personalizados, formalmente designados como serviços de assistência pessoal. Em termos metodológicos sustenta-se numa componente muito significativa de análise documental, complementada em termos empíricos com métodos de caráter intensivo e extensivo.

Beneficiadores finais/população-alvo: Pessoas com deficiência, organizações representativas de pessoas com deficiência (ONGPD’s e IPSS’s) e assistentes pessoais

Investigador responsável: 
Ana Catarina Rodrigues Correia
Investigadores participantes: 
Estado: 
Financiamento: 
Sim
Âmbito do financiamento: 
Nacional
Montante do financiamento: 
Entidade financiadora: 
Fundação para a Ciência e a Tecnologia (FCT)
Ano de início: 
2018
Ficheiro: