Pensar os espaços verdes e o património da cidade do Porto

Convidamo-vos a participar no debate “Pensar os espaços verdes e o património da cidade do Porto: O caso da iniciativa cidadã em defesa do terreno público e do património ferroviário da Boavista”, que vai decorrer no próximo dia 5 de Março às 17h30, na Casa das Artes no Porto.

As notícias sobre a aparente receptividade dos nossos decisores políticos face à possível construção de uma grande superfície comercial e hoteleira no terreno público da antiga estação ferroviária da Boavista vieram relançar o debate sobre qual a visão de cidade que queremos e qual a mais sustentável a longo prazo.

Com esta preocupação, iniciativas cidadãs têm-se levantado em protesto, exigindo o envolvimento dos munícipes nas decisões sobre o destino a dar à cidade e colocando aos poderes públicos uma série de questões que têm, por ora, ficado sem resposta. Como pode o destino dos terrenos públicos ser alvo de maior escrutínio, protegendo-os do furor construtivo? De que forma podem os cidadãos ser ouvidos e envolvidos neste tipo de processos? Para quando a priorização da sustentabilidade ambiental, a necessária permeabilização dos solos urbanos e a aplicação de medidas concretas contra o incontornável impacto das alterações climáticas? Como preservar o património histórico, a memória e identidade da cidade?

Esta iniciativa pretende incentivar a reflexão sobre estas questões e contribuir para a construção de um projeto participativo de cidade. Será um debate público, aberto a todos os que queiram participar.

Organização: Movimento por um jardim ferroviário na Boavista, em parceria com a Campo Aberto - Associação de Defesa do Ambiente e o Instituto de Sociologia da Universidade do Porto
Apoio: DRCN - Casa das Artes 
Imagem: José Raimundo

Movimento por um jardim ferroviário na Boavista
https://peticaopublica.com/pview.aspx?pi=PT94547   
https://participacao.parlamento.pt/initiatives/1023